Blog

A SUSPENSÃO é o sistema responsável pela estabilidade geral do veículo

A SUSPENSÃO é o sistema responsável pela estabilidade geral do veículo
A suspensão é o sistema responsável pela estabilidade geral do veículo.

Com o objetivo de absorver, por meio de seus componentes, as irregularidades do piso, ela permite um deslocamento confortável para os ocupantes da cabine.

Por sua importância e funcionalidade, a suspensão deve ser avaliada sempre que possível, em manutenção preventiva, sem falar daquelas previstas no manual do carro.

Observar ruídos estranhos, perda de estabilidade ou movimento excessivo do veículo ao passar por lombadas, buracos e saliências também é medida importante para a manutenção e bom funcionamento da suspensão.

Veja abaixo, as principais peças da suspensão do seu carro, entendendo como ele funciona.

Componentes da suspensão
Em sua forma mais básica, suspensão pode ser descrita com seis componentes: molas, amortecedor, batente, coxim, bandeja e barra estabilizadora.

Molas
No centro do amortecimento está a mola. Ela é o principal elemento elástico da suspensão, se expandindo diante de buracos e se comprimindo em lombadas, em trabalho constante para isolar as irregularidades do piso dos ocupantes do automóvel. E não apenas isso, a mola além de absorver as irregularidades do terreno, controla a altura do veículo e atua sobre o alinhamento e equilíbrio geral da suspensão, sendo, portanto, essencial para conservar a integridade da carroceria.

Existem dois tipos de molas: helicoidal e semielíptica. Enquanto as helicoidais permitem grande curso da suspensão, as semielípticas, usadas como feixe de molas, são bastante resistentes sob a deformação de cargas pesadas, sendo comum, portanto, em veículos maiores, como caminhões.
Elas podem ser, ainda, de curso constante ou variável. Caso seja de curso constante, a mola possui diâmetro único de ponta a ponta, apresentando rigidez uniforme. Por outro lado, se variável, o diâmetro se altera ao longo do seu comprimento. Enquanto os primeiros elos da mola são mais finos, priorizando o conforto e a maciez nas deformações menores, os elos seguintes têm espessura maior, respondendo com rigidez às deformações maiores, proporcionando estabilidade e segurança.

Barra de torção
Alguns tipos de suspensão utilizam outra estrutura, mais reforçada, para desempenhar o papel das molas: a barra de torção. Basicamente, a estrutura foi desenvolvida para dar flexibilidade a uma barra de aço ou tubo de torção ao longo de sua extensão para que funcione como uma mola, absorvendo energia mecânica. Para isso, ao invés da conhecida ação de flexão de uma mola normal, a barra de torção é, como o nome sugere, torcida para oferecer resistência ao movimento ascendente e descendente do conjunto. Assim, a cada subida e descida da roda, o braço de controle oscila, torcendo a barra (de torção) ao longo do seu comprimento para absorver as imperfeições das estradas e amortecer o deslocamento.

Amortecedores
Também desenhado para absorver, com auxílio da mola, os impactos gerados na condução por terreno irregular, o amortecedor é componente essencial da suspensão de um carro, evitando solavancos e suavizando o retorno da deformação natural da mola de modo a contribuir para a estabilidade geral do automóvel.

Formado por cilindro de fluido hidráulico sob pressão, o amortecedor é intermediário entre o chassi e o eixo de rodas, absorvendo as oscilações com o movimento do pistão.

Preso pelo suporte superior ao chassi é através desse suporte que recebe as oscilações da mola, amortecendo-as.
A SUSPENSÃO é o sistema responsável pela estabilidade geral do veículo

A SUSPENSÃO é o sistema responsável pela estabilidade geral do veículo

A suspensão é o sistema responsável pela estabilidade geral do veículo. Com o objetivo de absorver, por meio de seus componentes, as irregularidades do piso, ela permite um deslocamento confortável para os ocupantes da cabine. Por sua importância e funcionalidade, a suspensão deve ser avaliada sempre que possível, em manutenção pr...

Abrir Tópico >

Quais são os Componentes mais Importantes do SISTEMA DE FREIOS?

Quais são os Componentes mais Importantes do SISTEMA DE FREIOS?

Quais são os componentes mais importantes do sistema de freios? Disco de freio, tambor de freio, pastilha de freio, lonas de freio, cilindro mestre, servo freio, cilindro de roda, pinça de freio. Leia mais. O sistema de freios é um item de segurança do veículo e é muito complexo no que refere a manutenção. Ele é composto ...

Abrir Tópico >